Não seja Esponja!


Como é difícil não ser esponja. Pelo menos para mim... Já sofri tanto sendo assim...
Me deixava esgotar pelos problemas dos outros, fossem pessoas próximas a mim, ou até mesmo algo que visse na tv... Era algo extremamente doloroso de se viver... Me sentia tão sugada, tao absolvida nas dificuldades, estresses dos outros,que quando juntava com os meus próprios era algo doloroso de suportar,,, Como aprendi a administrar isso??? Não sei... Acho que o tempo, a vida me vez ver que eu estava me acabando, estava em um nível altíssimo de estresse e que não tinha o poder de resolver tudo e nem a vida de todos,então fui aprendendo a peneirar o que eu deixava passar para minha mente, a realmente selecionar o que iria me afetar, o que eu poderia realmente fazer pra ajudar a ,b ou c , e se não pudesse nada fazer, então deixaria passar. Pq só posso fazer certas coisas até um certo ponto, por mais que queira fazer tudo, mas tudo não posso.
Sabe, hoje estou mais desligada, mais lenta de certa forma, não absolvo mais muita coisa, deixo passar muitas coisas antes de absolver alguma  coisa.  Aprendi a viver no hoje, a realmente a focar no dia de hoje, e não me preocupar como  será o amanhã.
Depois de anos de síndrome do pânico e inúmeras crises, eu aprendi a sobreviver, e isso quer dizer viver no agora. Aprendi a ser mais seletiva, mais zen, mas de certo modo realista. 
Ser esponja só leva vc para o fim do poço. 
Ajudar é uma coisa, se deixar sugar é outra completamente diferente .
Bjs amigas ,
Alicinha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO OU CONTE SUA HISTÓRIA AQUI ! Se quiser me escreva no email valecamara@gmail.com
RESPONDEREI A CADA UMA, BASTA OLHAR DEPOIS NO MESMO LOCAL QUE VC COLOCOU UM COMENTÁRIO QUE LÁ ESTARÁ UMA RECADINHO PARA VOCÊ PESSOALMENTE. BJS AMIGAS!